Face a Face

Estou em meio à tempestade
Já não consigo suportar
As fortes ondas e o vento
Já me fizeram parar
Me lembro do que já vivi
Caminhando ao lado teu
Curando os cegos e enfermos
Mas quem precisa hoje sou eu
Quem precisa de ti sou eu

Quero te ver face a face
Seguir em tua direção
Você por mim venceu a morte
Vou segurar na tua mão
Preciso vê-lo face a face
Eu necessito ser tocado
Quero voltar aos teus caminhos
E ver em mim os teus milagres

Ver os teus milagres em mim, senhor

Quero vê-lo face a face, senhor

DEIXE UMA RESPOSTA